quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

60 Minutos

Todo dia, acordar pra mim é como se fosse abrir um kinder ovo, explico.
Do momento que vc acorda até a chegada no seu serviço para alguns não é nada e pra mim é tudo: as x mal humor, outras alegria, outras euforia e assim vai, e num espaço curto de tempo por exemplo. Como é incrível a variedade de humor do momento que vc acorda até a hora que vc chega no serviço.
Levantei, me arrumei e na saída vi marido nervoso por esbarrar o carro na guia (isso é o que dá dirigir com sono) ok, fui buscar minha irmã pois tinha combinado de dar uma carona pra ela no 1º dia de curso, passei no ponto onde tínhamos combinado e ela não estava, fui até minha mãe e nada, buzinei e nada, toquei a campainha e minha avó apareceu dizendo que ela estava dormindo e quando eu olho pro lado um cara bem aparentado parado com cara de quem queria alguma coisa, e eu neurótica gelei pensando "putz, o carro", será que o cara é ladrão? pois ele começou contar a história do carro dele que parou e ele tava morrendo de vergonha e tal e eu cortei logo dizendo " tá, vc quer dinheiro pra colocar gasolina é isso?" ele comentou que eu deixei ele sem graça e eu falei que não, era pq eu já tava a mil e atrasada, pedi pra minha avó ir rápido buscar 10,00 com o meu pai pq eu não tinha e o cara disse que levava depois e eu ok, mandei minha avó fechar a janelinha do portão me certificando que tava tudo ok e fui!!!!!
Abasteci o carro (pq marido me deu na reserva...rs) e fui correndo pq já estava atrasada e no semáforo escuto umas buzinas e vejo que é o motorista do ônibus muito amigo da familia, fizemos umas palhaçadas um pro outro eu dançando dentro do carro e ele dentro do ônibus e fui embora dando bibi (tchau) e numa rotatória a caminho do serviço eu parei pq tenho que dar preferência para quem tá dentro da rotatória e escuto uma freada atrás de mim e um carro crescendo no meu retrovisor e engatava primeira, engatava segunda e voltei pra primeira e consegui sair do lugar (cada reação que a gente tem né?), deixei o cara que parou dentro da rotatória e o cara que quase me chapou a traseira do carro e fui embora, só no semáforo que começou a me dar aquela tremedeira, putz olha o meu dia indo pro saco e foi aí que comecei a pensar quanta coisa já aconteceu nos meus primeiros 60 minutos do dia, que parecia uma mulher de fases, em poucos minutos eu passei nervoso, brinquei, fiquei tranquila e passei um susto, olha não quero nem ver como vai terminar o dia, mas espero que termine bem...
No momento to a mil ainda, trabalhando a todo vapor (Graças a Deus) acho que é adrenalina né... mas to feliz e to escutando Stereo Love - Edward Maya ft Alicia... e é isso aí, dizem que quando o dia começa mal termina bem né.....rs vamos esperar pelo melhor!!!!
Super beijo
Grazy... :)

2 comentários:

  1. Não sabia que tinha acontecido tudo isso, menina!
    Mas que bom que ele terminou bem. Terminou, né?rs
    Um beijo!!

    ResponderExcluir
  2. Esse é nosso dia a dia ... corrido e é nessas que as horas passam, o dia passa a vida passa... a vida é feita de momentos.. é muito louco pensar que se a gente bobear vê a vida passando pela janela sem se dar conta que estamos envelhecendo... gostei do momento do ônibus.. isso demonstra que a gente consegue viver intensamente cada momento.. tudo depende de nós.. temos que tentatr sempre acordar de bom humor ... sempre.. por que na minha opinião é essa energia matinal que nos dá ânimo para o dia inteiro rs rs .. depois que a Kizzy nasceu eu tento sempre aproveitar tudo ... passa muito rápido ... bjs

    ResponderExcluir